Avaliação do Usuário

Estrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativa
 

Domingo, 9 de julho de 2017
A LÁGRIMA

Dizem que a lágrima rega os sentimentos e que ela é própria dos humanos. Ela aflora aos olhos provocada pelo bem ou pelo mal. Todos choram de uma forma ou de outra. É a maneira de externar um descontrole que, de alguma forma, tende a se manifestar irrigando a face com gotas cristalinas.

Com certeza a lágrima é algo bem humano, porque através dela conseguimos catalisar energias negativas ou positivas, e é bem verdade que o seu sabor poderia ser diferenciado para cada tipo de sentimento que expressamos. Seria bem mais fácil distinguirmos o porquê do seu surgimento.

Dizem os mais antigos que a lágrima é uma forma que encontramos para lavar o espírito. Ela é irmã da emoção que nos arrebata de inúmeras formas, como a querer mostrar o caminho a seguir, visto que a trilha foi alterada por alguma coisa maior que o nosso domínio.

Quando a lágrima vem pela alegria deixa-nos uma satisfação interior, como se a alma estivesse tomado um banho das melhores essenciais florais. Quando vem pela dor da perda, pela dor física, pela magoa, deixa-nos um grande vazio, como se tivessem sido devastados por um tufão de grandes proporções.

Vindo pela força do ódio, da raiva, da maldade – sentimentos inferiores que consomem as melhores essências dos sentimentos, tornando-nos barbaramente irracionais – acende em nosso interior uma fornalha como se fosse promover a têmpera do aço da maldade. É uma força que se agiganta impulsionando-nos para o lado negro.

E quando a lágrima nos chega pelas várias formas de traição, deixa em nós um vazio existencial, paralisando nossa mente que busca imagens construídas ao longo do caminho que foram empanadas, negadas, por sentimentos torpes, viscerais antes não notados por nós.

De qualquer forma a lágrima nos mostra caminhos a seguir e sentimentos que moldamos de acordo com o nosso caráter. Sigamos o caminho da fertilidade. Deixemos que cada lágrima que irriga a nossa alma seja uma florescência a purificar os nossos corações, lavando os caminhos enlameados que cruzamos e talvez necessitemos por eles passar e de forma imaculada.

0
0
0
s2smodern

logo new