Avaliação do Usuário

Estrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativa
 

Sexta-feira, 25 de agosto de 2017
COMO FAZER A COISA CERTA

O AMIGO Edu Fernandes, técnico em informática, é desses caras dominado por esse mundo fantástico cheio de giba bites, softwares, hardwares, periféricos e todo tipo de programas. Respira e pensa informática às 24 horas do dia. Confessa que tem até sonhos digitais e viagens virtuais. Assegura já ter sonhado com Bill Gates e aproveitou para contestar a fragilidade do sistema Windows que “quanto mais sofisticado fica, menos resolve os nossos problemas”, teria dito ele ao Gates.

A informática está no seu sangue, na fala, nos questionamentos, nos pensamentos, enfim. Outro dia estávamos conversando sobre um amigo comum, e ele me informou na sua linguagem técnica, que o amigo resolveu fazer uma atualização do software Namorada 2.0 transformando-o em Mulher 2.0 e se deu mal, pouco tempo de uso e travou o sistema. Eu quis saber detalhes e ele explicou.

– Companheiro, depois que ele fez o upgrade, sentiu não poder desinstalar, nem deletar o novo software. Descobriu ser um programa que exige muita memória, deixando livres poucos recursos de sistema e, qualquer besteirinha trava a máquina. – Dizia isso caindo na gargalhada.

– Espera aí, companheiro. Você quer dizer que o nosso amigo casou e já está arrependido?

– É exatamente! – Arrematou, fazendo outro comentário: – Pior é um ano depois, ele descobriu que esse software Mulher 2.0 gera muitos arquivos (filhos) e consomem muitos recursos do sistema.

Aquele diálogo parecia coisa de louco, como eu conheço Edu Fernandes, compreendia sua linguagem. Entendi que a mulher do nosso amigo já havia ganhado neném.

– Edu, dá pra gente conversar normalmente? Ele tentava, mas volta e meia, lá estava conectado no seu brawser.

Para algumas pessoas, o trabalho se torna um vício e se mistura com o prazer. Não são diferentes os técnicos em informática e os internautas. São facilmente suscetíveis a esse comportamento. Ao se desconectarem sentem-se meio esquisitas, como se estivesse lhes faltando algo.

Como técnico experiente e passado por três casamentos ele dizia não aconselhar a instalação do software Mulher 2.0 e adverte que esse programinha se auto instala de forma a controlar o sistema, e todas as atividades PC (nada de Personal Computer, leia-se Pobre Coitado, mesmo). Informa ainda que após uma série de testes, constatou ser esse software incompatível com certos programas, como Noite a Fora 4.0 e Cervejada com Amigos 2.5 que deixam de funcionar completamente, travando o sistema operacional.

– Oh! Companheiro – afirmou ele – com a instalação do Mulher 2.0 e dependendo do PC vai acontecer a instalação do Sogra 5.8 ou talvez uma versão beta do Cunhado 1.8 ou mais avançado. – Ele contava isso e ria descaradamente e continuava dizendo.

– O Mulher 2.0 ou as versões mais avançadas tem um dispositivo não detectável, para o caso de se tentar instalar o Amante 2.5. Isso só será possível se formatar o PC e mesmo assim fazer uma varredura no HD. Caso contrário o Mulher 2.0 vai apagar automaticamente todos os arquivos do sistema MSGrana, antes de se desinstalar e usar um recurso tipo AJC (ação judicial cível).

Concluindo a sua hilariante malandragem digital o companheiro arrematou: – Quando você quiser instalar o Amante 2.5, deve fazer num sistema bem diferente, não deixando nenhum link aberto para a conexão, caso contrário, o Amante 2.5 vai reconhecer que o PC (pobre coitado) não tem recursos suficientes para manter os dois programas funcionando.

0
0
0
s2smodern

logo new