jrh log
ANO XIV - 1º jornal 100% online de Roraima desde 2014


Marinez Andrade

Avaliação do Usuário

Estrela ativaEstrela ativaEstrela ativaEstrela ativaEstrela ativa
 

Sábado, 12 de janeiro de 2019
Razões comuns para o aumento das ondas de Calor

Os calores repentinos, ou fogachos, podem ser extremamente desagradáveis, fazendo o coração acelerar, a pele ficar vermelha e, às vezes, suor em excesso causando um caso de calafrios. Embora seja verdade que eles geralmente estão associados à menopausa e à perimenopausa (o período imediatamente anterior à menopausa), as mulheres (e os homens) podem vivenciá-los. No entanto, há uma série de razões pelas quais você pode estar passando por ondas de calor. Abaixo estão os gatilhos mais comuns e o que fazer sobre eles:

1. Menopausa
A menopausa é a causa mais comum de ondas de calor e ocorre quando os ovários deixam de liberar óvulos e os níveis de estrogênio e progesterona são menores. Como resultado, essas alterações hormonais podem afetar a capacidade do organismo de regular a temperatura.

Dica: Se você sentir que os sintomas são graves, seu médico pode sugerir terapia de reposição hormonal (TRH). Este tipo de medicação inclui estrogênio que ajuda a controlar os níveis de hormônios e aliviar os sintomas da menopausa, incluindo ondas de calor e suores noturnos. No entanto, esteja ciente de que há riscos de se submeter a TRH. Segundo a Sociedade Americana do Câncer, estudos associaram a TRH com maior risco de câncer de mama.

2. Tratamento do câncer de mama
Ondas de calor e suores noturnos também podem ser um efeito colateral do tratamento do câncer de mama. Radiação e quimioterapia podem causar menopausa prematura em mulheres jovens, e mulheres mais velhas podem entrar na menopausa por causa da quimioterapia.

Dica: Para ajudar a gerenciar seus sintomas, limite o consumo de alimentos condimentados e bebidas quentes, evite banhos quentes, saunas e estímulos como estresse e álcool. Um ótimo remédio será tomar um banho frio antes de ir para a cama e diminuir a temperatura em seu quarto. Durma em lençóis frios e edredons que são feitos com materiais naturais, como algodão, linho e seda.

3. Medicamentos de prescrição
As ondas de calor podem ser um efeito colateral de muitos medicamentos comuns, principalmente opiáceos, antidepressivos e alguns medicamentos para osteoporose. Alguns esteroides são usados para tratar o inchaço, que também pode desencadear ondas de calor. Os homens que tiveram uma cirurgia para remover um ou ambos os testículos também podem sentir ondas de calor.

Dica: Fique de olho nos sintomas logo após tomar um novo medicamento. Se essa for a causa, informe o médico sobre o que está acontecendo, de modo que ele possa receitar remédio semelhante, mas que não deixe você com calor.

4. Excesso de peso
A gordura corporal é metabolicamente ativa, o que ajuda a explicar as ligações entre a obesidade e alguns tipos de câncer. O excesso de peso pode mexer com o seu metabolismo, e, consequentemente, também pode promover ondas de calor. Embora possa parecer um remédio previsível, a dieta e o exercício podem trazer alívio, especialmente se você estiver com sobrepeso ou obeso.

Dica: Em um estudo de 2010 da Universidade da Califórnia, descobriu-se que mulheres obesas que comiam de forma saudável e se exercitavam 200 minutos por semana tinham duas vezes mais probabilidade de relatar menos ondas de calor.

5. Alergias ou sensibilidades alimentares
Todos nós sentimos calor quando comemos algo muito picante. Mas, se você tem uma alergia ou intolerância alimentar não identificada, outra coisa na sua alimentação pode ser a causa. Álcool, cafeína e aditivos como sulfitos são gatilhos comuns.

Dica: Preste atenção em como seu corpo reage na próxima vez que você ingerir algum deles, e você poderá notar uma correlação. Se isso não ajudar, fale com um médico ou um nutricionista e procure uma dieta de eliminação estruturada.

6. Ansiedade
Estresse e ansiedade são frequentemente usados de forma intercambiável. No entanto, a ansiedade refere-se ao lado físico das emoções, como estresse, medo ou preocupação. Um coração acelerado e uma inquietação nervosa são dois dos sintomas clássicos da ansiedade. Sentir-se ansioso também pode causar sintomas desconfortáveis.

Dica: Se a ansiedade for a causa de suas ondas de calor, lembre-se de respirar - um exercício simples pode ajudar a acalmar a ansiedade. Exercício, meditação e yoga também são eficazes na luta contra a ansiedade.

7. Um quarto quente
Sua temperatura corporal flutua naturalmente durante a noite, por isso é comum mulheres e homens acordarem no meio da noite sentindo-se quentes ou suados.

Dica: Desligar o aquecedor ou dormir com menos cobertores ou roupas pode ser o suficiente. Você também pode tentar folhas de resfriamento e edredons leves para evitar suores noturnos.

 

0
0
0
s2smodern

logo JRH down