peronico

Avaliação do Usuário

Estrela ativaEstrela ativaEstrela ativaEstrela ativaEstrela ativa
 

Quarta-feira, 23 de maio de 2018
Jucá anuncia Henrique Meirelles candidato do MDB à Presidência da República

Romero Jucá, ao lado de Meireles, explica a jornalistas as razões da escolha do ex-ministro. Foto | MDB

O presidente do MDB, senador Romero Jucá, confirmou ontem (22) que o partido terá candidato próprio à Presidência pela primeira vez após mais de 20 anos: será o ex-ministro da Fazenda, Henrique Meirelles. O anúncio foi feito em café da manhã promovido pela Associação Brasileira de Relações Institucionais e Governamentais (Abrig).

Na avaliação do senador roraimense, Meirelles combina a figura de um “outsider”, por nunca ter exercido mandatos eletivos, com a de um político experiente no comando da economia do país, por ter sido presidente do Banco Central e do ministro da Fazenda.

A escolha de Meirelles foi discutida na base, não tendo sido uma mera decisão individual, ressaltou Jucá. “O presidente Temer não desistiu. Ele tinha se colocado como opção, mas ele e o partido escolheram o ministro. Não é uma questão de desistência, mas de escolha. Só se discutiu as qualidades do ministro e a possibilidade de consolidar e atrair os partidos do centro que, efetivamente, são contra qualquer abertura radical”, destacou.

A união do centro em torno da candidatura de Meirelles é um objetivo da pré-candidatura. O presidenciável do MDB acredita que, à medida em que a população tomar conhecimento dos feitos dele à frente da economia, como ministro, a popularidade possa aumentar e ser um elemento que o credencie a unificar o espectro político.

A estrutura política da legenda, por sinal, é outro fator que, para o pré-candidato, joga a favor. “Tenho certeza que vamos empolgar a militância do Brasil inteiro, viajar pelo Brasil, e tenho certeza que, se não unirmos o centro no primeiro turno, vamos unir no segundo”, avaliou Jucá.

0
0
0
s2smodern

logo JRH down