peronico

Avaliação do Usuário

Estrela ativaEstrela ativaEstrela ativaEstrela ativaEstrela ativa
 

Sábado, 21 de julho de 2018
Maduro quer repatriar venezuelanos refugiados em Roraima

Maduro não oferece atrativo algum. Mas promete que vai repatriar 'hermanos' que fugiram do país.

O presidente da Venezuela, Nicolás Maduro, anunciou ontem, em Caracas, um plano com o qual espera levar de volta ao país os venezuelanos que emigraram nos últimos anos por causa da severa crise econômica e que agora queiram retornar, principalmente os que pediram refúgio em Roraima nos últimos meses.

“Eu quero que você me faça um plano especial para apoiar venezuelanos que tenham ido ao exterior, que tenham perdido tudo e queiram voltar para trabalhar e ter seu negócio, ter sua empresa”, disse Maduro ao ministro de Economia, Simón Zerpa.

Durante um ato com políticos e empresários em Caracas o líder chavista pediu ao seu ministro para configurar este mecanismo com a ajuda de quatro bancos públicos.

Maduro disse sentir tristeza pelas histórias que conhece “todos os dias” de venezuelanos que foram embora do país devido à “campanha permanente dos veículos de meios de comunicação e das redes sociais” e que agora sofrem “humilhações” no exterior ou estão “passando fome”.

“Decidem vender a casa, o apartamento, o carro e vão embora. Seis meses depois retornam arruinados”, comentou.

O presidente opinou ainda que, diante da crise, os cidadãos não deveriam deixar a Venezuela, mas “ficar, trabalhar e fazer da pátria a pátria mais bela e próspera que jamais se tenha conhecido no planeta Terra”.

A Organização Internacional de Migração (OIM) estimou em 1,6 milhão o tamanho da diáspora venezuelana dos últimos anos e há estudos que falam até de quatro milhões de cidadãos que deixaram seu país desde que se instaurou a chamada revolução bolivariana em 1999.

Embora Maduro tenha negado que exista um “êxodo em massa” de venezuelanos, no mês passado disse esperar o retorno dos jovens que emigraram para “melhorar sua vida”. Fonte | EFE

0
0
0
s2smodern

logo JRH down