jrh log
ANO XIV - 1º jornal 100% online de Roraima desde 2014


peronico

Avaliação do Usuário

Estrela ativaEstrela ativaEstrela ativaEstrela ativaEstrela ativa
 

Quarta-feira, 1 de maio de 2019
Hospital da Criança: Boa Vista ganha unidade de trauma e pronto atendimento infantil.

A população boa-vistense já tem à sua disposição uma unidade de trauma e um pronto atendimento infantil, inaugurados ontem, 30, pela prefeita Teresa Surita (MDB), no bloco C do Hospital da Criança Santo Antônio. O hospital é a unidade de referência no Estado que atende crianças tanto da capital como de outros municípios e de países vizinhos.

Junto com o bloco C, foram construídos novos consultórios, além da revitalização de salas de nebulização, de suturas, curativos, assistência social, enfermarias e outros serviços. “A obra foi finalizada em meio a um momento de desafios enfrentados pela prefeitura por conta da crise migratória”, disse Teresa no ato de inauguração.

Teresa falou do impacto causado pelo aumento da demanda de atendimentos na unidade e de como a equipe conseguiu manter a qualidade do serviço mesmo em meio às obras.

“Estamos entregando mais um bloco, o qual considero o mais importante de toda a recuperação do hospital. Setores de urgência e emergência agora bem mais humanizados. É dessa maneira que conseguimos enfrentar o problema da imigração, recebendo pessoas e crianças diariamente e oferecendo um serviço de qualidade”, destacou.

Após o período de reformas, o bloco foi ampliado e modernizado. As paredes das novas instalações carregam agora adesivos de super-heróis e personagens infantis para garantir aos pequenos pacientes um ambiente lúdico e alegre.

O tema, segundo Teresa, foi idealizado para homenagear crianças e profissionais que se caracterizam todas as sextas-feiras para tender os pequenos na Sexta Colorida. Esse projeto já é replicado em outras capitais, seguindo o exemplo do HCSA.

A nova sala de UTI recebeu uma sala reservada para os pais, onde os médicos podem conversar sobre a situação clínica das crianças juntos com as famílias. Em 2013 quando Teresa assumiu a Prefeitura em seu 4º mandato, haviam 3 leitos no trauma e hoje são 5. Outros 34 leitos de enfermarias de observação e hoje são 41. Hoje também existem três salas de vacinação, enquanto que anos atrás só havia uma.

Além de atender crianças dos 14 municípios, o único hospital infantil do Estado tem registrado grande aumento nas demandas por conta da chegada à capital de centenas de venezuelanos diariamente.

LEIA mais

0
0
0
s2smodern

logo JRH down