wagner

Avaliação do Usuário

Estrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativa
 

Domingho, 12 de fevereiro de 2017

INDIFERENÇA

“No mundo em que vivemos, vemos, indiferença,
Não avaliamos o ser, e sim o ter, que diferença!!!
Dos preceitos da moral antiga,
Que hoje temos como inimiga,

Ouvimos pesares, como cânticos pelos ares,
O desespero de povos, por espaço, terras, lares,
Nada fazemos, nos preocupamos com o que temos,
Sem se importar com os outros e seus lamentos,

Que inútil indiferença,
Que nos cega pela crença,
De que nada podemos fazer pelos outros,
Já temos nossos próprios problemas tolos,

Tudo no mundo reflete em nós,
Nossa raiva, nosso rancor, nosso ódio, que são como nós,
A nos amarrar em grandes pedras, no fundo do mar,
Do mar de lama, e rancor que estamos a criar,

Hoje, olho para a humanidade com desconfiança,
Pois neste mundo, vejo como tratam as crianças,
Árabes, Africanas, Brasileiras, mundiais,
Consigo, quando deito, ouvir os seus aís,

Implorando por socorro, por clemência,
Pedindo ao mundo, a nós, o fim de nossa ausência,
E o que fazemos? Nada! 
Fechamos os olhos e ouvidos, como se não ouvíssemos nada,

Que maldita, indiferença,
Nos empobrece pela crença,
Que nada podemos fazer, pois temos nossas vidas,
E ocupados demais com a nossa lida,

Mas o mundo nos cobra, seremos cobrados,
Quando nossos filhos, por outros filhos forem assassinados,
Mesmo que não tirem suas vidas, mas tirarão suas esperanças,
E a crença no futuro, que tinham quando crianças,

E o que fazemos com está maldita indiferença?
Vamos mostrar ao mundo nossa presença,
No futuro, nossa esperança e crença,
Salvando as crianças, seus pais e seus lares, pois elas farão a diferença!!!...”

 

0
0
0
s2smodern

logo new