jrh log
ANO XIV - 1º jornal 100% online de Roraima desde 2014


BANNER__Neimar_Fernandes

Avaliação do Usuário

Estrela ativaEstrela ativaEstrela ativaEstrela ativaEstrela ativa
 

A Ganância e o Destino
Por Weber Negreiros | 4 de março de 2019

A ganância quando supera a ambição e se torna insaciável, transforma pessoas em máquinas, desejos em alvos a serem atingidos sem nenhum tipo de escrúpulo e que só faz trazer a destruição de quem almeja e principalmente a destruição de quem se arrisca a se colocar no seu caminho.

Todos nós sonhamos, devemos e temos que sonhar. Todos nós desejamos e temos que desejar cada vez mais. Todos queremos dividir nossas conquistas com quem amamos. Somos afeitos a comemorar o que conseguimos com alegria e afeto pelas pessoas e não simplesmente pela conquista.

Os troféus de nossas vidas devem ser vistos como prêmios dos nossos esforços. Os nossos esforços tem que ser visto com a competência e habilidade superior na busca de nossos objetivos.

A busca ou a disputa dos nossos objetivos tem que estar baseados nos princípios éticos e morais da sociedade. O seu sucesso não necessariamente representa o fracasso do seu colega. O destaque pessoal ou profissional de alguém, não significa o desmerecimento das qualidades do outro, porém o brilho de cada um é único e deve ser tratado e polido de acordo com o valor que cada um dá a si mesmo e será muito maior a partir do momento em que a vida do outro deixar de ser a única preocupação.

Parece então que a busca dos sonhos é algo simples, tranquilo e sem grandes contratempos. Deveria ser, porém o que vemos é algo que se complica pela vontade humana, que deixa de ser algo normal para tornar-se uma competição desleal e sem precedentes. Mas se os sonhos fazem parte do destino das pessoas, como construir esse destino? Essa construção inicia-se muito cedo, quando nossos pais começam a nos ensinar os caminhos e os conceitos do que do que é certo e do que é errado. No momento em que palavras chaves ganham a importância necessária, tais como a união, o caráter, a força de vontade, a superação, o respeito, a ética e a capacidade de compartilhar. Mas com o tempo uma palavra que era usada somente para ilustrar a história na hora de dormirmos ganha espaço, um tal ATALHO surge em nossas vidas e começamos a achar que tudo pode ter um JEITINHO, que tudo tem um ATALHO mais fácil e que por isso podemos alcançar nossos sonhos sem muito esforço. Ai começa a confusão de transformarmos sonhos em ambição desmedida ou melhor em ganância, onde não importa como alcançar os objetivos, apenas pensar e forcar em alcança-los, mais ao final será que teremos vencedores ou perdedores? A resposta aparece no momento em que colocamos nossa cabeça no travesseiro, e descobrimos que a única coisa que nos acompanhava todos os dias foi embora: o sono tranquilo, a certeza de que o seu sucesso é de muito e não o fracasso de todos os outros. Nossas conquistas devem ser vistas como algo que melhore a nossa vida e não a de pequenos grupos. O mundo é habitado por mais de 7,2 bilhões de pessoas, porém muitos tem pouco, outros não tem nada e uma minoria tem muita coisa.


Uma ótima semana a todos!

0
0
0
s2smodern

logo JRH down