Terça, 04 Fevereiro 2020 16:55

DESESPERO DE CAUSA

Escrito por Kennedy Lacerda

NA SEMANA PASSADA EM SUAS REDES SOCIAIS, ROMERO JUCÁ PUBLICOU A IDEIA DE FUNDAR UMA ASSOCIAÇÃO COM TODAS AS CATEGORIAS ENVOLVIDAS NO PROCESSO DE ENQUADRAMENTO DOS SERVIDORES DO EX TERRITÓRIO.

É PÚBLICO E NOTÓRIO QUE A VERDADEIRA INTENÇÃO DE ROMERO É VOLTAR AOS HOLOFOTES DA POLÍTICA, DESDE QUE PERDEU SUA CADEIRA NO SENADO PARA MECIAS DE JESUS E A PRESIDÊNCIA DO PARTIDO PARA O DEPUTADO BALEIA ROSSI, ROMERO VEM BUSCANDO FATOS E FERRAMENTAS QUE O TRAGAM DE NOVO AO CENÁRIO POLÍTICO.

 ROMERO SÓ ESQUECEU QUE ESSA ATITUDE SINDICALISTA (PARA QUEM SEMPRE FOI PATRÃO) NADA TEM A VER COM ELE, EM SEUS 24 ANOS DE PARLAMENTO, ROMERO SÓ SE INTERESSOU COM A CAUSA EM QUESTÃO QUANDO O EX DEPUTADO FEDERAL LUCIANO CASTRO PERDEU AS ELEIÇÕES E A CAUSA FICOU ÓRFÃ, ESPERTO COMO SEMPRE FOI, ROMERO IMEDIATAMENTE APADRINHOU OS SERVIDORES, ORGULHANDO-SE DE SER AUTOR DA PEC – PROPOSTA DE EMENDA CONSTITUCIONAL, QUE AUTORIZA A INCLUSÃO NOS QUADROS DA UNIÃO DOS SERVIDORES DOS ESTADOS DE RONDÔNIA, AMAPÁ E RORAIMA.

ESTRANHO É QUE MESMO SENDO LÍDER DOS GOVERNOS PASSADOS, ESSA ATITUDE HEROICA SÓ APARECEU EM 2017 E DIGA-SE DE PASSAGEM, UMA PEC MAL FEITA E CHEIA DE FALHAS, COMO FOI O CASO DE TER DEIXADO DE FORA VÁRIAS CATEGORIAS E AINDA MENTINDO QUANDO GARANTIU A INCLUSÃO DE SERVIDORES QUE INFELIZMENTE NÃO SERÃO CONTEMPLADOS.

 FOTO_ROMERO_1.jpeg

 ROMERO APARECE EM UM VÍDEO, DIZENDO QUE UM PARECER DO PROCURADOR GERAL DO MINISTÉRIO AUTORIZA O ENQUADRAMENTO DE POLICIAIS SEM ESCOLARIDADE, QUANDO NA VERDADE O PARECER É CONTRÁRIO A ESSA INCLUSÃO, CITANDO INCLUSIVE A NECESSIDADE DE SE RESPEITAR A LEGISLAÇÃO JÁ EM VIGOR, COMO É O CASO DO DECRETO 88.941 QUE TRATA DO ASSUNTO.

EM 2018, COINCIDENTEMENTE DURANTE O PERÍODO ELEITORAL RORAIMA FOI AGRACIADA COM O MAIOR NÚMERO DE DEFERIMENTOS, CONFORME O QUADRO ABAIXO, ACONTECE QUE ESSA “DEDICAÇÃO” POR PARTE DA EQUIPE TÉCNICA DA COMISSÃO, PRIORIZANDO O ESTADO, ACABOU PREJUDICANDO POIS FORAM DEFERIDOS CENTENAS DE PROCESSOS SEM SE QUER PASSAR PELA ANÁLISE DOCUMENTAL, O QUE AGORA, NA REANÁLISE, ESTÃO DESCOBRINDO O TAMANHO DA FRAUDE. 

 A GRANDE VERDADE É QUE SE ROMERO JUCÁ QUISESSE DE FATO APOIAR E ATÉ SER O PADRINHO DESTA CAUSA, ELE TERIA AO LONGO DOS SEUS MANDATOS E PELO SEU PODER JUNTO AOS GOVERNOS, RESOLVIDO ISSO A ANOS ATRÁS , MESMO CRIANDO A PEC QUE AUTORIZOU O ENQUADRAMENTO, SÓ SE UTILIZOU DA OPORTUNIDADE PARA ANGARIAR VOTOS, SEU COMPROMISSO COM OS SERVIDORES NUNCA FOI REAL.quadro_enquadramento_I.jpeg

Mais nesta categoria: « A MENINA DOS OLHOS