×

Atenção

JUser: :_load: Não foi possível carregar usuário com ID: 336
Sábado, 06 Maio 2017 11:40

Delegado Uziel diz que é grato a governadora Suely Campos pela confiança

Escrito por

Sábado, 6 de maio de 2017
Mesmo demitido o delegado Uziel diz que é grato
a governadora Suely Campos pela confiança

0605 Delegado UzielUm dia depois de ter sido demitido da Secretaria de Justiça e Cidadania, o delegado da Polícia Civil Uziel de Castro Júnior fez um pronunciamento público onde fica claro que não ficou rancores na relação dele com a governadora Suely Campos que o substituiu pelo coronel da Polícia Militar, Ronan Marinho.

Ao contrário fez questão de confessar enorme gratidão porque Suely o escolheu para ser secretário pelos seus valores e tem a devida certeza que tinha a confiança da governadora. Disse que só não fez mais porque não foi possível.

Uziel divulgou uma mensagem de agradecimento dirigida aos colegas e amigos com os quais trabalha no governo e se mostrou tranquilo com relação às denúncias à CPI do Sistema Prisional na Assembleia, sobre pagamentos efetuados em sua gestão sem os devidos procedimentos legais.

"Venho a público externar minha saída da Secretaria de Justiça e Cidadania. Minha profissão não é de Secretário, e sim Delegado de Polícia concursado da Polícia Civil de Roraima. Tenho gratidão pela confiança em mim depositada pela governadora Suely Campos, retribui com muito trabalho, dedicação, seriedade, profissionalismo e lealdade neste quase um ano que estive à frente da pasta.

Quero dizer que tudo que foi feito ocorreu no estrito limite da lei. Parte dos processos estão sendo conclusos e todos terão oportunidade de comprovar a lisura de todo o meu trabalho.

Neste período, tivemos que correr contra o tempo pois enfrentamos a pior crise do sistema prisional do Estado e uma das maiores do País. Fizemos o possível para que os efeitos do caos vivido não fossem tão devastadores.

Com nossas ações, com certeza, promoveu-se melhorias no sistema prisional. A população, a mais interessada no assunto, reconhece o nosso esforço, nosso, porque tive uma equipe dedicada que me ajudou muito.

Se não fiz mais, foi porque realmente não pude fazer. Continuo o meu trabalho na Segurança Pública deste Estado que amo, com muito orgulho e honra, com muita vontade de contribuir para a segurança da sociedade. Desejando boa sorte para o meu sucessor".