×

Atenção

JUser: :_load: Não foi possível carregar usuário com ID: 336
Sexta, 26 Maio 2017 10:00

Roraima não atinge meta na campanha antigripal: vacinação foi prorrogada até dia 6

Escrito por

Sexta-feira, 26 de maio de 2017
Roraima não atinge meta na campanha antigripal:
vacinação foi prorrogada até dia 6 de junho

2605 Campanha de Vacina contra GripeO roraimense não atendeu ao chamado das autoridades sanitárias e poucas pessoas compareceram aos postos de saúde para receber as doses das vacinas antigripal e apenas 41,52% do público alvo foi imunizado. Até o momento 26.471 pessoas foram vacinadas. A meta estabelecida pelo Ministério da Saúde era imunizar pelo menos 90% de cada grupo.

Dos grupos que podem receber a vacina, as crianças têm a maior cobertura vacinal, até o momento, com 8.341 vacinadas aplicadas, seguidas dos idosos: 8.297, trabalhador da saúde: 4.595, gestantes: 2.099, professores: 1.089, indígenas: 1.022 e puérperas: 605. A prefeitura convoca todos os grupos prioritários que ainda não se vacinaram que procurem uma unidade básica de saúde.

Este ano já foram notificados de janeiro a maio, 6.078 casos de síndrome gripal nas unidades sentinelas (HGR e HCSA), o que significa 5.8% de todas as consultas. Este valor é mais da metade do total de casos de síndrome gripal notificados em todo o ano de 2016, que foram 10.363 casos. Em 2016, 8% das consultas realizadas nas unidades sentinelas foram referentes a casos de síndrome gripal.

Nos últimos cinco anos (2013-2017) ocorreram 315 óbitos por pneumonia no município de Boa Vista, a maioria sem confirmação do agente etiológico causador da doença. Porém no último ano de 2016 ocorreram dois óbitos confirmados por infecção pelo vírus Influenza, através de amostras coletadas nas unidades sentinelas de vigilância da Influenza do município de Boa Vista.

Para tentar aumentar o índice vacinal, a Secretaria Estadual de Saúde prorrogou até o dia 6 de junho a campanha de vacinação contra influenza. De acordo com a Sesau, apenas o município de Caroebe superou a meta, com 93%. A proposta é que todos os municípios atinjam a cobertura vacinal de 90%, o que corresponde a 140 mil pessoas em todo o estado.