Terça, 02 Julho 2019 09:14

Denarium recua e decide realizar o concurso para a Polícia Militar - Blog do jornalista Expedito Perônnico

Escrito por

Terça-feira, 2 de julho de 2019
Denarium recua e decide realizar o concurso para a Polícia Militar

Concurseiros da Polícia Militar que montaram um acampamento – meio que macabro – em frente ao Palácio Senador Hélio Campos, ganharam ontem no início da tarde, uma notícia alvissareira: o governador Antônio Denarium (PSL) voltou atrás e decidiu manter o concurso para a admissão de 400 soldados de segunda classe.

O decreto de revogação da suspensão – o concurso foi suspenso em fevereiro – foi assinado ontem, porém não foi anunciado o cronograma de realização de todas as etapas finais do certame. Conforme Denarium, todo o novo edital será programado pela Universidade Estadual de Roraima (UERR), que também foi responsável pela aplicação das provas.

A prova objetiva já foi aplicada e ainda faltam outras três etapas: testes físicos, psicológicos e investigação social. O concurso da PM havia sido suspenso em fevereiro, após intervenção do Gabinete de Crise.

Logo que assinou o decreto Denarium ocupou suas redes sociais e as plataformas do Governo na Internet para divulgar o feito:

“Mais um compromisso efetuado que estamos solucionando. O governo do Estado está trabalhando pela correta aplicação dos recursos públicos e, assim, trabalhando para que Roraima fique cada dia melhor”, postou o governador.

Durante três meses, os concurseiros pressionaram o governo para que houvesse continuidade das fases. Ao Roraima em Tempo, no mês de abril, o governador já tinha garantido dar prosseguimento ao concurso.

O protesto mais recente foi feito no Centro Cívico, onde os candidatos fincaram cruzes e um caixão em frente a sede do Governo. Antes, fizeram uma carreata pelas ruas de Boa Vista e criticaram as condições precárias nas quais se encontra a Segurança Pública de Roraima.

LEIA mais