Sábado, 04 Julho 2020 11:33

Da série gostei, repassei!

Escrito por Neimar Fernandes

Alo, é o governador?

– Sim, pode falar.

– Eu sou empresário, uns homens seus disseram que é para eu fechar meu negócio e ficar em casa.

– Sim, é para o seu bem, fique em casa.

– Ok, mas o que faço com meus funcionários?

– Eles também deve ficar em casa.

– Mas não tenho como manter eles empregados sem produzirem.

– Ok, o banco vai ajudar a pagar 20% do valor que eles recebem.

– E como faço com meu aluguel da loja e do meu apartamento?

– O governo vai dar R$ 600 para todo mundo.

– Mas isso não é o suficiente, e como vou pagar minhas contas e ainda me alimentar?

– O governo federal disponibilizou uma linha de crédito para micro e pequenas empresas.

– Eu sei, eu tentei, mas o banco rejeitou o empréstimo, outras empresas maiores pegaram antes de mim, 70% dos que solicitaram ficaram sem.

– Veja bem, é para sua segurança.

– Ok, mas o que faço com os impostos, não tenho como paga-los.

– Vamos suspende-los por 3 meses, depois você pode paga-los parcelados.

– 3 MESES? Não vou aguentar tanto tempo fechado, mesmo que abra depois de 3 meses não vou ter dinheiro para pagar nem os fornecedores, muito menos manter meus funcionários ou meu aluguel, quanto mais os impostos.

– Amigo, apenas fique em casa, ok, é para o seu bem.

– Ok, vou demitir meus funcionários, entregar a loja para o proprietário do imóvel e baixar meu CNPJ.

– Não vai não, a Receita Federal está atendendo só sob agendamento, a Junta Comercial só por e-mail, o seu contador está sobrecarregado de tanto seguro desemprego, declaração de imposto de renda e 80% dos clientes dele não pagaram, ele também vai ficar em casa.

– Deixa eu ver se entendi, não posso demitir, não posso trabalhar, não posso pegar empréstimo, querem que eu pague aluguéis e funcionários com R$ 600 de ajuda e daqui a 3 meses pague impostos parcelados, não me deixam fechar minha empresa e ainda querem que eu fique em casa, sendo que daqui há 3 meses vou ser despejado por falta de pagamento, processado por não pagar direitos trabalhistas, vou ser multado por não ter a contabilidade em dia, meus fornecedores vão positivar o meu nome deixando ele sujo na praça, minha empresa vai a falência, vão penhorar meus bens, vou ficar desempregado, quebrado, com nome sujo e ainda podendo ser preso e tudo isso porque querem que eu fique em casa e ainda acham que isso é para o meu bem?

– Exatamente.

– Mas quantos casos dessa doença tem na minha cidade?

– Nenhum, mas é por prevenção.

– Mas qual é a taxa de mortalidade desse vírus?

– 0,1% das pessoas que tiverem morreram.

– Quer dizer que eu tenho 99,9% de chance de sobreviver.

– Exatamente, mas fique em casa, é para a sua segurança.

O Estado é muito pior do que a doença.

Enquanto não soubermos a importância de escolher Governadores e Prefeitos honestos e dermos menos atenção pra grande mídia (Globo, Band, CNN, dentre outros), ficaremos sempre acuados assistindo o estrago que eles fazem.

“O preço da liberdade é a eterna vigilância“

 

 -

NEIMAR FERNANDES é jornalista e publicitário, pós graduado em marketing pela SUNY-State University of New York e tem mais de 40 anos de experiência com serviços prestados no Brasil e exterior.