jrh log
ANO XIV - 1º jornal 100% online de Roraima desde 2014


Avaliação do Usuário

Estrela ativaEstrela ativaEstrela ativaEstrela ativaEstrela ativa
 

O Sebrae (Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas iniciou na segunda-feira (26) a Semana Nacional de Crédito, buscando orientar micro e pequenos empresários sobre acesso a financiamentos e renegociação de dívidas bancárias. A programação vai acontecer durante toda a semana, das 18 às 21h, no prédio Airton Dias, rua Aquilino da Mota Duarte, São Francisco.

O objetivo é fazer com que os empreendedores encontrem soluções para suas necessidades financeiras, superando as barreiras de forma orientada e sustentável. A programação inicia nesta segunda-feira (26) com a palestra Falando de Negócios – A Importância da Gestão Financeira e sua Relação com o Crédito. As inscrições podem ser feitas pela Central de Relacionamento 0800 570 0800.

Terça-feira (27) a palestra será O Que Fazer Quando sua Empresa está Endividada. Na quarta-feira (28) será a vez de Aprender a Captar Recurso para seu Negócio sem o Comprometer o Planejamento e o Controle Financeiro. Seguindo os eventos, na quinta-feira (29) vai acontecer uma oficina de crédito consciente “Como Usar e Como não Usar seu Crédito”, que vai acontecer das 14h às 17h.

O encerramento da programação acontecerá na quinta-feira (29), com o Seminário de Acesso ao Crédito e Serviços Financeiros com Bancos Públicos (Banco do Brasil, Caixa Econômica, Banco da Amazônia e Desenvolve-RR), a partir das 18h. A analista técnica do Sebrae, Francisca Conrado, esclarece que para expandir os negócios o empresário muitas vezes precisa acessar linhas de crédito específicas, para cada segmento ou finalidade que se deseja alcançar o recurso.

“Antes de buscar a instituição financeira para requerer recursos é necessário que estejam atentos a alguns cuidados, como a identificação das necessidades reais de financiamento. Devem estar atentos, por exemplo, qual banco atende melhor ao projeto, além de elaborar um plano de negócios. Uma das dicas é a importância de um bom histórico de relacionamento com a instituição financeira para a aprovação do crédito”, explicou Francisca.

Uma boa estratégia é priorizar financiamento de máquinas e equipamentos, preservando recursos próprios para capital de giro. Linhas de crédito para investimentos fixos contemplam limites maiores e custos reduzidos, com prazos de pagamento maiores, além de garantias facilitadas.

0
0
0
s2smodern

logo JRH down