Avaliação do Usuário

Estrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativa
 

Modernizar o Centro histórico de Boa Vista e promover qualidade de vida para quem hoje, sofre em moradias precárias, com a cheia do Rio Branco. Esses são os principais objetivos do projeto de Revitalização da Área de Interesse Social Caetano Filho, conhecida popularmente, como Beiral. Os detalhes do projeto foram apresentados sexta-feira, 14 de julho, em uma coletiva de imprensa realizada pela Prefeitura Municipal de Boa Vista.

O senador Romero Jucá, parceiro da gestão, garantiu apoio para a execução da obra, viabilizando os recursos na ordem de R$ 46 milhões que serão aplicados na primeira etapa. Ele também será responsável pela alocação recursos para a segunda fases que inclui as obras de urbanização turística, permitindo que a Prefeitura crie a estrutura da nova Orla de Boa Vista.

“A revitalização do Caetano Filho é a solução para um problema histórico de Boa Vista. Com esse trabalho, conseguimos criar uma solução técnica, uma solução financeira e, o mais importante, uma solução social atendendo às famílias que vivem em condições precárias nessa área. A Prefeitura terá todo o cuidado para que essas pessoas tenham acesso uma moradia digna e a cidade terá mais um espaço de convivência, com estímulo ao turismo e a geração de renda”, disse o senador.

Na primeira fase, a área receberá obras de drenagem, de elevação de galerias e vias, canalização de córregos e a remoção de imóveis das áreas afetadas pela cheia. Pelo menos, 242 casas serão desocupados pela Prefeitura nos próximos seis meses. Todas as famílias serão indenizadas e atendidas em programas habitacionais, incluindo o aluguel social.

“É preciso muita coragem para desenvolver esse projeto. Hoje, conto com o apoio do senador Romero e da Câmara Municipal para resolver a situação história do Beiral. Nenhuma casa será removida sem acordo prévio. Estamos trabalhando com muita transparência, aberto a sugestões, à conversas para que essa ação gere os benefícios que desejamos para todos.”, disse a prefeita Teresa Surita.

No projeto, a Prefeitura pretende criar uma nova área de turismo e serviços, aproveitando a vista do Rio Branco. Haverá espaços de passeio, flutuante e uma área destinada à leilão para fomentar investimentos de grande porte para instalação galerias comerciais. Todo o projeto leva em consideração a elevação do nível do Rio, evitando que as inundações sejam um problema para a cidade.

Morador da área há 25 anos, Rui Oliveira é profissional de saúde e voluntário em ações sociais no Caetano Filho. Ele será um dos moradores beneficiados com a revitalização. “Antes, eu estava muito resistente à mudança. Mas, depois de ver o projeto da Prefeitura, mudei meu conceito. Entendo agora que é uma proposta séria e que vai deixar nossa cidade muito mais bonita”, afirmou.

Atendimento – A Prefeitura centralizou o atendimento das famílias que serão removidas na sede do CRAS São Francisco. A equipe técnica da unidade está habilitada para esclarecer as dúvidas dos moradores sobre a assistência prestada pelo município e sobre a questão das indenizações.

A unidade fica localizada na rua David Cruz, 90, bairro Calungá, ao lado da Escola Estadual Barão de Parima. Todas as famílias que precisam ser removidas já foram comunicadas pela gestão municipal.

0
0
0
s2smodern

Boa Vista

PUBLICIDADE

bcathedral

logo new