Avaliação do Usuário

Estrela ativaEstrela ativaEstrela ativaEstrela ativaEstrela ativa
 

Entrar na academia é um dos primeiros passos para ter uma vida mais saudável. Para quem deseja ganhar os tão sonhados músculos ou perder o peso, contudo, somente a prática de atividade física sem o acompanhamento de uma alimentação adequada de nada adianta.

Saber o que comer antes e depois do treino ajuda a ganhar mais músculos e emagrecer, os alimentos certos ajudam o organismo a ter a energia necessária para a realização das atividades durante o treino e os alimentos ingeridos após as atividades garantem o ganho de massa muscular.

A coordenadora do curso de Nutrição do Centro Universitário Estácio da Amazônia, Flávia Gonçalves, conta que os alimentos do pré-treino devem ser de fácil digestão, como carboidratos que além de serem digeridos rapidamente, reduzem a sensação de desconforto, como banana, aveia e bata doce.

Já os lipídios e proteínas devem ser consumidos em poucas quantidades, pois possuem uma digestão mais lenta. “Os carboidratos também fornecem energia de forma mais eficaz e rápida. Porém, deve-se ofertar carboidratos que sejam capazes de preservar a glicemia e o metabolismo muscular sem elevar a liberação de insulina. Como sugestão, há os carboidratos complexos ou que tenham médio ou baixo índice glicêmico”, explicou a nutricionista.

Segundo Flávia, a alimentação posterior ao treino tem como objetivo garantir a recuperação e o crescimento muscular, portanto carboidratos e proteínas na proporção ideal irão auxiliar na construção muscular e recuperação do organismo. Ela explica que as tão evitadas gorduras são extremamente necessárias para o bom funcionamento do corpo, todavia, devem ser consumidas de forma moderada.

“As gorduras também são extremamente importantes e necessárias para o bom funcionamento do corpo e, em quantidades moderadas, ajudam tanto na perda de peso quanto na hipertrofia muscular. Algumas opções de gorduras boas são: peixes, abacate, castanhas, azeite extravirgem e óleo de coco.”, contou Flávia.

Para uma alimentação adequada antes e depois dos treinos algumas coisas devem ser evitadas. A nutricionista conta que antes do treino é bom evitar os carboidratos simples como mel, açúcares, balas, arroz branco, macarrão, pão branco, compotas, refrigerantes e biscoitos. “As fontes de energia imediata são digeridas e absorvidas rapidamente fazendo com que se sinta fome logo após a refeição, e produzem um aumento da taxa de glicose no sangue. Os alimentos ultraprocessados também devem ser evitados, pois contêm quantidades exageradas de gordura, açúcar e sódio”, elucidou.

Os horários que os alimentos devem ser consumidos no pré e pós-treino costumam variar de acordo com a modalidade esportiva que será executada. Para um bom planejamento é importante a consulta e acompanhamento de um nutricionista especializado. “Lembrando que não adianta se preocupar somente com as refeições pré e pós-treino, a alimentação deve ser balanceada durante todo o dia, garantindo o aporte nutricional necessário para repor as energias perdidas no treino”, completou Flávia Gonçalves.

0
0
0
s2smodern

logo JRH down