jrh log
ANO XIV - 1º jornal 100% online de Roraima desde 2014


Estrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativa
 

Os moradores da comunidade receberam atendimento médico em cinco diferentes especialidades

2609 Sesau uiramutan4A comunidade de Willimon, localizada no município de Uiramutã, recebeu nos dias 23 e 24, mais um mutirão de saúde promovido pela Secretaria Estadual de Saúde (Sesau), em parceria com a Secretaria Especial de Saúde Indígena (Sesai) e apoio da Prefeitura Municipal de Uiramutã. Os atendimentos foram realizados das 9h às 16 horas, com atendimento em 5 especialidades médicas, além de ações de saúde bucal e imunização.

A Sesau disponibilizou médicos nas especialidades de ginecologia, cardiologia, pediatria, otorrinolaringologia e neurologia. A Sesai cedeu nutricionista, psicólogo e dentistas para ações de saúde bucal, além das vacinas para imunização. Já a Prefeitura de Uiramutã entrou com estrutura e profissionais da saúde do município para o suporte nos atendimentos.

Segundo o tuxaua Vinícius Afonso da Silva a ação é importante porque os indígenas têm dificuldade de deslocamento na busca de atendimento médico. “É a primeira vez que acontece uma ação conjunta aqui na comunidade, espero que dê continuidade, porque o acesso à região é muito difícil, precário e muitas vezes não conseguimos nos deslocar para os polos de atendimentos de saúde”, declarou o líder indígena.

O Secretário Adjunto de Saúde, Paulo Linhares, esteve na ação, e destacou a importância do trabalho social que vem sendo desenvolvido nas comunidades indígenas. “Buscamos levar o atendimento especializado médico para mais perto dessas comunidades, visando minimizar o deslocamento dos indígenas, que muitas vezes não conseguem atendimento devido à distância”, destacou Linhares.

Conforme o Secretário Municipal de Saúde, Ailton Moraes, a parceria entre as três esferas, Prefeitura, Governo Estadual e Governo Federal é importante para ofertar saúde de qualidade em lugares distantes. “Essa parceria é essencial porque sabemos que só a atenção básica não supre a demanda existente e precisamos de apoio para ofertar uma saúde qualidade”, frisou o Moraes.

ATENDIMENTOS - A parceria entre a Sesau e a Sesai, ligada ao Governo Federal, já resultou na promoção de quatro mutirões de atendimentos de saúde em áreas indígenas do Estado. O próximo lugar a receber o mutirão será a comunidade indígena macuxi Manoá, com uma população estimada em 1.096 pessoas, localizada no município de Bonfim.

0
0
0
s2smodern

logo JRH down