jrh log
ANO XIV - 1º jornal 100% online de Roraima desde 2014


Estrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativa
 

Modalidade adotada para aquisição de insumos evita desabastecimento e otimiza recursos públicos

1008 Equipamentos Ortopedia 60  
1008 Equipamentos Ortopedia 95  

A Secretaria de Estado da Saúde (Sesau) começou a receber os materiais específicos para a realização de cirurgias ortopédica e traumatológica. O contrato com as empresas foi feito em caráter comodato e consignado, ou seja, o pagamento é realizado de acordo com a utilização dos itens. Com esta forma de fornecimento, o Hospital Geral de Roraima (HGR) poderá manter continuidade nos procedimentos.

As 7 empresas vencedoras do processo de licitação iniciaram a entrega dos itens na semana passada e devem concluir ainda neste mês. A aquisição atenderá às demandas de cirurgias que representam uma grande parte dos procedimentos cirúrgicos realizados no HGR, causados principalmente por acidentes de trânsito.

No sistema de consignação é feita uma projeção do material a ser utilizado, porém, o pagamento é efetivado apenas quando o item é usado nos procedimentos médicos. A coordenadora geral de Urgência e Emergência da Sesau, Helenira Macêdo, explicou que os materiais serão encaminhados para o HGR a partir da solicitação das equipes técnicas.

“A aquisição foi feita com investimento de recursos estaduais. O contrato com as empresas tem duração inicial de 12 meses e com base nas solicitações feitas pelas equipes técnicas, os itens serão disponibilizados”, informou.

O coordenador do setor de ortopedia do HGR, Marcelo Arruda, explicou que é a primeira vez que os itens para atender a esta área são adquiridos pelo sistema consignado, utilizado em praticamente todo o País por ser mais eficaz. “Essa modalidade de compra é um método muito eficiente, pois não gera desperdício do dinheiro público e dá margem para não ficarmos sem abastecimento”, enfatizou.

A partir do recebimento dos materiais, a expectativa é zerar a demanda reprimida, mantendo uma rotina na realização destes procedimentos. “Com a aquisição desse material e com a adesão do sistema consignado iremos atender aos pacientes que estão em espera e manter uma rotina de procedimentos cirúrgicos”, pontuou Arruda.

CONVÊNIO – Está em fase de articulação um convênio entre a Sesau e o Into (Instituto de Traumatologia e Ortopedia), do Rio de Janeiro, para a realização de cirurgias ortopédicas de alta complexidade em Roraima, o que vai reduzir significativamente o número de Tratamento Fora de Domicílio (TFD).

Só no ano passado, 72 pessoas saíram de Roraima para fazer cirurgias ortopédicas em outras unidades da Federação. Por meio deste convênio, serão realizados procedimentos como a implantação de próteses totais de joelho e quadril. Além da economia de recursos públicos, a parceria com o Into trará mais humanização ao tratamento, pois os pacientes poderão se recuperar mais perto da família.

0
0
0
s2smodern

logo JRH down