Avaliação do Usuário

Estrela ativaEstrela ativaEstrela ativaEstrela ativaEstrela ativa
 

A Campanha Nacional de Imunização contra a gripe começa em Boa Vista na próxima segunda-feira (23). A vacina, distribuída pelo Ministério da Saúde (MS), previne contra H1N1 e H3N2, subtipos do vírus Influenza A e B. Boa Vista recebeu 63 mil doses da vacina que estarão disponíveis a grupos prioritários da população.

A meta é vacinar pelo menos 95% dos grupos prioritários, que incluem crianças de 6 meses a 5 anos incompletos, grávidas em qualquer idade gestacional, puérperas (até 45 dias pós-parto), pessoas com 60 anos ou mais, pessoas com doenças crônicas e outras categorias de risco clínico, indígenas, população privada de liberdade, funcionários do sistema prisional, jovens que cumprem medidas socioeducativas, professores e trabalhadores da saúde.

É importante ressaltar que a vacina é direcionada apenas aos grupos prioritários, por conta da suscetibilidade dessas pessoas às complicações causadas pela gripe. Essa é uma recomendação do próprio Ministério. A previsão é de que o Dia D de Mobilização Nacional aconteça no dia 12 de maio.

Em 2017, apenas o grupo de puérperas atingiu a meta. O secretário municipal de saúde, Cláudio Galvão, reforça o convite às pessoas que fazem parte dos grupos prioritários. “Temos as vacinas disponíveis em nossas unidades básicas de saúde que funcionam de manhã e de tarde e quatro delas até meia-noite. Queremos convocar principalmente os pais e responsáveis pelas crianças que levem seus pequenos para serem imunizados”.

Dados do Sistema de Vigilância Epidemiológico da Gripe do Ministério da Saúde apontam que até o momento já foram registrados 4.000 casos de síndrome gripal e 462 de pneumonia no Hospital da Criança Santo Antônio e no Hospital Geral de Roraima.

Sintomas – febre alta, nariz entupido, cansaço e dor no corpo, se não tratada pode trazer complicações como pneumonia. A vacina é a estratégia mais importante para evitar a doença.

Algumas dicas são importantes para evitar a transmissão da gripe e de outras doenças respiratórias: lavar as mãos com frequência, principalmente antes de comer; usar lenço descartável para a higiene nasal; cobrir nariz e boca quando espirrar ou tossir e outros.
A vacina estará disponível em todas as unidades básicas de saúde. E a prefeitura vai cumprir ainda um calendário de ações em escolas e creches.

0
0
0
s2smodern

logo JRH down