jrh log
ANO XIV - 1º jornal 100% online de Roraima desde 2014


Avaliação do Usuário

Estrela ativaEstrela ativaEstrela ativaEstrela ativaEstrela ativa
 

Pesquisa divulgada recentemente pelo Ministério da Saúde indica que 1 em cada 5 brasileiros admite usar o celular enquanto dirige (19,3%). A distração causada pela utilização do equipamento ao volante está entre os 3 principais fatores de acidentes, junto com o excesso de velocidade e embriaguez ao volante.

Um estudo do Cesvi Brasil – Centro de Experimentação e Segurança Viária aponta que só o fato de se responder uma mensagem no WhatsApp a 80 km/h equivale a dirigir a extensão de um campo de futebol inteiro com os olhos fechados. Um levantamento realizado nos Estados Unidos pela NHTSA (Administração Nacional de Segurança Viária) constatou que o uso de celular aumenta em 400% o risco de sofrer um acidente de trânsito.

SEGURANÇA DAS CRIANÇAS - Ainda de acordo com o Ministério da Saúde, entre 2010 e 2018, a adoção de cadeirinha para o transporte de crianças até sete anos e a utilização do cinto de segurança no banco de trás até os 9 anos diminuíram em um terço o número de internações de crianças acidentadas em estado grave e reduziram em um quinto a quantidade de mortes de pessoas nessa faixa etária transportadas em veículos.

De acordo com o CFM - Conselho Federal de Medicina, antes da obrigatoriedade do uso de equipamentos de segurança para os pequenos, em média 37 pessoas de 0 a 9 anos morriam por um ano em decorrência da gravidade dos acidentes de trânsito. Os casos diminuíram para 18, em 2017.

TÓPICOS RELEVANTES
- O que pode ser feito para que os motoristas se conscientizem sobre o não uso do celular ao volante?
- Quais são as outras formas de desatenção mais comuns no trânsito?
- O que os condutores podem fazer para evitar o uso do smartphone enquanto dirige?
- A nova geração de motoristas está cada vez mais conectada, o que pode representar perigos no trânsito em razão do uso do celular. Existe alguma forma de a tecnologia ajudar os condutores a serem mais conscientes?
- O que pode mudar a partir da nova regra para transporte de crianças em equipamentos de segurança?
- Existe algum estudo que comprova a eficácia das cadeirinhas para a segurança das crianças?
Para fazermos essa pauta, consigo colocar sua equipe em contato com Sheila Borges, diretora da ProSimulador, empresa voltada aos segmentos de educação e segurança para o trânsito.

0
0
0
s2smodern

logo JRH down