Avaliação do Usuário

Estrela ativaEstrela ativaEstrela ativaEstrela ativaEstrela ativa
 

Um Jovem de 22 anos e um Senhor de 67 haviam desaparecido nas águas dos Rios Caranã e Uraricoera

A Companhia de Busca e Salvamento do CBMRR (Corpo de Bombeiros Militar de Roraima) localizou os corpos de duas vítimas de afogamento em rios de Roraima. Um rapaz venezuelano de 22 anos havia desaparecido nas águas do rio Caranã. O outro era um senhor de 67 anos que desapareceu enquanto pescava no rio Uraricoera.

A primeira vítima, segundo informações das testemunhas, tentou atravessar o rio Caranã a nado e desapareceu. O CBMRR foi acionado na tarde de domingo, dia 21, para realizar as buscas. Na manhã de terça-feira (23), a corporação deslocou uma equipe com 3 mergulhadores para o local, que encontrou o corpo por volta das 8h30.

Na noite de segunda-feira (22), o CBMRR foi acionado para o desaparecimento em ocorrido no rio Uraricoera. Segundo informações repassadas pelo irmão da vítima, o senhor saiu para pescar as margens do rio. Durante a pescaria, a canoa que ele usava para pescar soltou-se do local onde estava ancorado e o mesmo tentou nadar atrás da embarcação e desapareceu. Ainda segundo o solicitante, a vítima não havia ingerido bebida alcoólica. Na manhã de terça–feira, uma equipe composta por 4 mergulhadores foi ao local e encontrou o corpo da vítima por volta das 10h.

Segundo o tenente Assis Santos, comandante da Companhia de Busca e Salvamento, com o aumento do calor em Roraima, a população tem buscado ainda mais os balneários como refúgio para amenizar o calor, o que aumenta os riscos de afogamento.

“Hoje em dia é comum ver as pessoas buscando os balneários durante a semana e nos finais de semana por causa do calor. A maioria não entende os riscos que o ambiente aquático apresenta e acabam realizando ações contraindicadas pelos guarda-vidas”, disse o tenente.

0
0
0
s2smodern

logo JRH down