Sábado, 28 Novembro 2020 12:09

ELEIÇÕES 2020 | Polícia Militar reforça segurança no segundo turno em Boa Vista

Escrito por Júlia Rocha

Com o segundo turno das eleições, no domingo, dia 29 de novembro, a Polícia Militar de Roraima vai reforçar a segurança para coibir a prática de crimes diversos durante a realização do pleito. O efetivo será de 407 policiais militares, entre homens e mulheres.

De acordo com a Lei nº. 499/2005, a segurança pública é dever do Estado e direito e responsabilidade de todos. É necessário assegurar a plenitude do exercício da democracia pelos cidadãos durante as eleições, dando atenção especial à demanda eleitoral, prioritariamente nos dias 28 e 29 de novembro de 2020.

Segundo o comandante do Policiamento da Capital, coronel Magalhães Damasceno, a mobilização dos policiais militares é uma forma de garantir a segurança, a fim de que o eleitor exerça a cidadania com paz e tranquilidade. “Mas se for necessário um reforço, estaremos prontos”, complementou.

LEI SECA

A Lei Seca, que proíbe a venda e o consumo de bebidas alcóolicas, entra em vigor às 23h do sábado, dia 28, e vai até às 20h de domingo, 29, conforme Portaria Nº 145/SESP/GAB, da Secretaria de Segurança Pública de Roraima, que será publicada no Diário Oficial do Estado e valerá somente para a Capital.

Em caso de desatendimento dessa ordem, o infrator ficará sujeito à prisão em flagrante pela prática do crime de desobediência previsto Art. 347 do Código Eleitoral, combinado com o Art. 330 do Código Penal.

O PLEITO

De acordo com o Tribunal Regional Eleitoral, durante a votação de domingo, haverá distanciamento entre as pessoas nas filas, álcool em gel nas sessões, proteção para mesários e horário estendido para o voto, das 07h às 17h, sendo as primeiras três horas com preferência, embora não exclusividade, para idosos com mais de 60 anos.

O eleitor deverá fazer uso da máscara facial, além de levar seu documento de identificação e uma caneta, já que neste ano, a biometria não estará disponível.