Terça, 01 Dezembro 2020 11:31

GESTÃO ESCOLAR | Governo premia escolas por projetos feitos durante a pandemia

Escrito por Isaque Santiago

Na tarde desta segunda-feira, dia 30, três escolas, uma no interior e duas na Capital receberam o troféu e R$ 10 mil como premiação pelas boas práticas adotadas em tempos de pandemia. A premiação faz parte da primeira edição do Prêmio Estadual de Gestão Escolar Professora Maria Odete Calheiros Pena promovida pela Seed (Secretaria de Educação, Cultura e Desporto).

O prêmio estadual foi lançado no dia 13 de agosto, conforme Decreto N° 29.112-E. O governador Antonio Denarium ressaltou esta é uma forma de valorizar os profissionais da educação. “Uma prerrogativa da minha gestão é a valorização dos servidores. O prêmio Professora Maria Odete vem justamente para isso. Com profissionais valorizados, a educação melhora cada vez mais”, disse.

Em primeiro lugar, com o prêmio de R$ 5 mil, ficou a Escola Estadual Major Alcides, em Boa Vista, com o projeto “Experiências de aprendizagem no contexto da pandemia de COVID-19, utilizando tecnologia como recurso para desenvolvimento da aprendizagem os alunos”. A gestora da unidade, a professora Ana Ilza, ressaltou a importância do prêmio.

“Isso significa um reconhecimento de toda uma equipe, de todo um trabalho árduo que a gente vem fazendo ao longo do ano. Foi um ano difícil, mas também foi de vitórias”, declarou.

Em segundo lugar, com o prêmio de R$ 3 mil, ficou a Escola Estadual Tancredo Neves, também em Boa Vista, com o projeto “Programa escolar interação e aprendizagem para além da pandemia”.

Para a professora Vilma Rufino, ganhar o prêmio é uma satisfação. “Durante todo esse tempo de pandemia as aulas não pararam. Os professores estão comprometidos e toda a equipe escolar também. Já executávamos esse projeto antes da pandemia, ele foi adaptado e vai se estender além desse período”, pontuou.

Em terceiro lugar, com o prêmio de R$ 2 mil, ficou o Colégio Militarizado João Rogélio Shuertz, de Caracaraí, com o projeto “Aulas não presenciais – desafios e expectativas: projeto de inclusão com artes”. O gestor da unidade, o professor Domingos Sávio disse que é uma honra representar todas as escolas do interior.

“Somos a única do interior entre os três primeiros colocados. Nosso projeto trabalha com alunos com necessidades especiais. Um trabalho feito com arte, artesanatos e pintura em tela”, disse.

A secretária de Educação, Leila Perussolo, afirmou que o prêmio de gestão proporciona um processo de autoavaliação das escolas. Ela frisou que o processo faz com que a comunidade escolar olhe para o seu interior e veja as potencialidades, dificuldades e avanços.

“Nessa primeira edição, seguindo o prêmio nacional de gestão escolar, que também tem esse caráter de trazer as boas práticas em tempos de pandemia, onde as escolas mostram tudo o que foi feito, as experiências, o que cada escola está fazendo nesse momento para manter o vínculo com os alunos e assegurar o isolamento dos nossos alunos e professores”, pontuou.

MARIA ODETE CALHEIROS PENA - Nasceu em 16 de maio de 1956 na cidade de Itacoatiara, no estado do Amazonas. Faleceu em fevereiro de 2013, vítima de um aneurisma cerebral. Chegou a Boa Vista no início dos anos 80. Ingressou no quadro de Professor do Território Federal de Roraima em 1° de junho de 1984, dedicando a sua vida ao magistério, focando na formação docente.

Era formada em Pedagogia, tinha especialização em Licenciatura Plena em Ciências Biológicas, Especialização em Educação e Saúde Pública, Mestrado em Ciências da Educação Superior e Doutorado em Ciências da Educação Superior.

Atuou na instalação da UERR (Universidade Estadual de Roraima), coordenou o PIBID (Programa Institucional de Bolsa de Iniciação à Docência), compôs o Conselho Universitário da UERR, foi diretora do Instituto Superior de Educação de Roraima, diretora do CEFAM/RR (Centro de Formação e Aperfeiçoamento do Magistério).

Também ocupou uma cadeira no CEE/RR (Conselho Estadual de Educação de Roraima) e foi assessora da UAB (Universidade Aberta do Brasil) com Polo na Fundação Univirr (Universidade Virtual de Roraima).