logo jrh

Boa Vista - RR, Quinta-feira, 23 de maio de 2019

Avaliação do Usuário

Estrela ativaEstrela ativaEstrela ativaEstrela ativaEstrela ativa
 

O Ministério Público do Estado de Roraima conseguiu na Justiça a condenação do venezuelano Cristian Alexis Graterol Cabello, a 13 anos e 4 meses de prisão em regime fechado por tentativa de latrocínio (roubo e tentativa de morte) contra o brasileiro R.N.C.S.

O crime ocorreu na noite de Natal, por volta de 00h20 do dia 24 de dezembro de 2016, no restaurante Paricarana, de propriedade da vítima, localizado no bairro Cauamé, em Boa Vista.

Ao retornar para casa e entrar o local, o comerciante deparou-se com Cristian Alexis que passou a lhe desferir golpes de faca na região do abdômen. Consta na denúncia do Ministério Público de Roraima, que Cristian Alexis entrou na residência da vítima com o objetivo de furtar seus pertences.

Antes do crime, a vítima havia acolhido o venezuelano por cerca de 40 dias em sua residência, dando-lhe trabalho e abrigo.

Apesar da gravidade dos ferimentos ocasionados por 17 facadas, a vítima conseguiu fugir e pedir socorro em um posto de combustível próximo ao local do crime, sendo socorrida por populares e posteriormente pelo Samu. Diante das graves lesões, a vítima ficou na UTI por diversos dias, entretanto, conseguiu escapar com vida do atentado.

Na ocasião, Cristian Alexis foi preso em flagrante pela Polícia Militar nas proximidades do local do crime e estava de posse de um notebook de propriedade da vítima. Após audiência custódia o condenado foi encaminhado para a Penitenciária Agrícola do Monte Cristo.

0
0
0
s2smodern

logo JRH down