jrh log
ANO XIV - 1º jornal 100% online de Roraima desde 2014


Avaliação do Usuário

Estrela ativaEstrela ativaEstrela ativaEstrela ativaEstrela ativa
 

Eder Lourinho afirmou que as ações dos fiscais são constrangedoras e até agora nenhuma providência foi tomada

Em discurso na tribuna da Assembleia Legislativa de Roraima (ALE-RR) na manhã de hoje (11/9), o deputado Eder Lourinho (PTC) saiu em defesa dos caminhoneiros que transportam cargas pela BR-174 e passam pelo posto fiscal do Jundiá, divisa com o Estado do Amazonas.

Lourinho foi enfático em seu discurso alegando que muitos caminhoneiros são humilhados e penalizados por fiscais que obrigam os profissionais a descarregarem produtos perecíveis das carretas sem nenhuma estrutura para garantir a sua conservação, o que coloca em risco a carga e causa prejuízo aos empresários.

O deputado disse que recebeu denúncia de péssimo atendimento e humilhação a esses profissionais, por parte dos fiscais da Secretaria de Estado da Fazenda e que essa prática vem se repetindo há algum tempo, sem que sejam tomadas as providências cabíveis para cessar os desmandos que estão acontecendo.

“Os caminhoneiros ficam assustados com o atendimento que recebem de alguns fiscais no local, com atos abusivos e constrangedores, fato que causa revolta e intimida esses trabalhadores que tem grande importância para a economia e o desenvolvimento do estado”, ressaltou Lourinho afirmando que as denúncias serão analisadas, seguidas de providencias.

O parlamentar salientou que não é contra a fiscalização, mas não aceita a forma como vem sendo feito o trabalho por alguns fiscais, que acaba comprometendo também os trabalhos de outros bons servidores. Em apartes, alguns deputados solidarizam-se com Eder, reforçando seu discurso e manifestando e se posicionando contrários a esses desmandos praticados contra os caminhoneiros afetados. Eles alegaram também a necessidade de estrutura para o posto fiscal e planejamento nas ações de fiscalização.

O porta voz dos caminhoneiros, Edmilson Aguiar, do programa Amigo do Volante, presente à sessão, declarou que, em ofício encaminhado ao Governo do Estado, alertou quanto a perseguição de forma exacerbada por parte de policiais rodoviários federais aos caminhoneiros, prejudicando, inclusive, toda a cadeia produtiva do Estado. Disse ainda que solicitou uma reunião entre as lideranças do setor de transportes com o governador, para melhorar o entendimento e contribuir no desenvolvimento do Estado.

0
0
0
s2smodern

logo JRH down