jrh log
ANO XIV - 1º jornal 100% online de Roraima desde 2014
Estrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativa
 

A vereadora Aline Rezende (PRTB) foi escolhida em votação para presidir a Procuradoria Especial da Mulher da Câmara de Boa Vista, que começou a funcionar a partir da primeira semana de janeiro de 2016 na Casa Legislativa, segundo a parlamentar.

0601 Aline Rezende

"A proposta da Procuradoria é atender mulheres carentes que precisam de algum apoio para suas necessidades. Todo a nossa atividade será voltada apenas para o público feminino", esclarece Aline.

Ainda de de acordo com ela, uma sala da Procuradoria funcionará na Câmara em horário de expediente da Casa. "Dessa forma, vamos inserir a mulher na política roraimense, seguindo o objetivo da Procuradoria". A vereadora Mirian Reis (PHS) foi indicada como vice-presidente da Procuradoria.

A vereadora Nira Mota (PV) foi autora do projeto que instituiu a Procuradoria Especial da Mulher. Ela ressalta ser uma necessidade a Câmara ter um local para atender e dar assistência a mulheres.

"Principalmente aquelas que buscam conhecimento político ou assistência específica. O nosso projeto foi aprovado há alguns messes e faltava nomear a presidente. Como os vereadores já escolheram, seguiremos com ações da Procuradoria que pautarão as políticas públicas, atendendo aos anseios das mulheres", explica Nira.

A parlamentar foi indicada para comandar a Escola do Legislativo (Escolegis) da Câmara. O núcleo irá atuar junto à população promovendo cursos de capacitação.

"Esta Casa pretende buscar um relacionamento mais próximo com o cidadão da nossa capital. A Escolegis terá uma sala com servidores que colocarão em prática as atividades da escola", afirma Nira.

0
0
0
s2smodern

logo JRH down