1º jornal 100% online de Roraima desde 2014

Acervo | Assine | Anuncie 

IMPA lança série de iniciativas para comemorar seus 70 anos

Desde que foi criado, em 1952, o Instituto de Matemática Pura e Aplicada (IMPA) trilhou um caminho de sucesso e vem se consolidando como um dos mais destacados centros de pesquisa do mundo. Por isso, não faltam motivos para comemorar os seus 70 anos de existência, que serão completados em 15 de outubro deste ano. Para marcar o septuagenário, o IMPA está lançando, a partir deste mês, uma série de ações comemorativas que vão destacar os pontos mais marcantes de sua atuação.   “O IMPA é um exemplo inegável de sucesso no âmbito da ciência e da educação no Brasil. Isso por si só justifica que a data seja assinalada como merece. Mas a comemoração está voltada muito mais para o futuro do que para o passado. Queremos utilizar este momento para refletir sobre os rumos do instituto, todos os nossos projetos para o futuro. Daí também a aposta que a programação faz em falar para os jovens”, comenta o diretor-geral do instituto, Marcelo Viana. Para dar a largada nas comemorações, o instituto promove a live “IMPA 70 anos: passado, presente e futuro”, transmitida no YouTube do IMPA em 18 de janeiro, às 14h. Participam da conversa Marcelo Viana, o diretor-adjunto e coordenador-geral da OBMEP, Claudio Landim, e os pesquisadores do instituto Artur Avila e Carolina Araujo. Ao longo dos próximos meses, o instituto falará, em diferentes formatos — reportagens, vídeos, lives, eventos, posts, quizzes e enquetes —, da sua história, costurando seu passado, presente e futuro. Cada mês terá um tema principal, definido por marcos temporais. As festividades culminam numa conferência internacional, realizada entre 17 e 21 de outubro de 2022, que reunirá renomados pesquisadores de todo o mundo. Além de relembrar pontos importantes da história do IMPA, como sua fundação, internacionalização, conquista da medalha Fields (considerada o prêmio Nobel da matemática) e a promoção do Brasil Grupo 5 da União Matemática Internacional (IMU, na sigla em inglês); vamos focar nos próximos movimentos do instituto, como o Centro Pi (Centro de Pesquisa e Inovação), criado para ampliar as parcerias com o setor produtivo, a construção do novo campus sustentável e a ampliação da OBMEP (Olimpíada Brasileira de Matemática das Escolas Públicas). “A medalha Fields conquistada pelo pesquisador Artur Avila comprovou que é possível fazer ciência do mais alto nível no nosso país. O recém-criado centro de inovação em matemática industrial está colaborando com o setor produtivo na melhoria da produtividade da economia nacional. E a realização anual da OBMEP leva a ação do instituto para dentro das casas e escolas de todo o Brasil”, pontua Viana. Por isso, a expectativa do diretor-geral do instituto é que as festividades do septuagenário tenham o mesmo alcance que suas atividades. “Queremos que a comemoração do aniversário transcenda a comunidade científica e atinja todos, crianças e jovens, suas famílias e seus professores, que são tocados pelas iniciativas do IMPA.”